Como Limpar o Nome no SPC e Serasa?

Nos dias atuais é comum encontrar muitos brasileiros que estão enfrentando o complicado problema de estar com o nomesujo”, diversos fatores implicam nesse fato, as dívidas que não puderam ser pagas, emprestou o nome para alguém, juros sobre juros etc… Isso acaba limitando o crédito da pessoa e impedindo que façam novas compras, as vezes até mesmo depois de quitarem o valor que estavam  devendo. Mas como resolver esse problema de estar com o nome com restrição?

Limpar o nomeO SPC ou SCPC (Serviço de Proteção ao Crédito) é o banco de dados das associações comerciais, que estão presentes em todos os estados do Brasil. Nessas associações, são mantidos cadastros de consumidores que não quitaram ou pagaram seus débitos.

Para limpar o nome no SPC – no caso de cheque sem fundos protestado – a primeira providência é procurar a agência do banco que apresentou a ocorrência. Solicite ao banco informações sobre o número, valor e data do cheque.

Verifique no seu canhoto para quem foi emitido o cheque, procure a pessoa ou a empresa para regularizar o débito e recuperar o cheque. Em seguida, de posse do cheque, prepare uma carta, conforme orientação do gerente da sua conta no banco. Junte à carta o original do cheque recuperado.

Recolha no banco as taxas necessárias pela devolução do cheque e protocole uma cópia dos documentos entregues ao banco. A carta deve ser entregue no banco em que a pessoa possui conta. A regularização na base de dados do SPC vai acontecer depois que o Banco do Brasil (responsável pela atualização do arquivo do CCF) enviar os documentos para o SPC.

Como limpar seu nome na Serasa SPC

Você já sabe que seu nome esta sujo nos órgãos de proteção, agora é hora de limpar seu nome no SPC e SERASA. Mas como posso realmente limpar meu nome sujo na praça? Para que a inscrição do seu nome seja definitivamente retirado dos cadastros de restrição, vamos ver abaixo quatro possibilidades:

1) – Pagar a dívida: Feito o pagamento da dívida junto ao credor, seu nome deverá ficar limpo o mais breve possível, o credor vai retirar o seu nome destes cadastrados de restrição, caso isso não ocorra, a retirado do nome do Serasa ou SPC, cabe então um processo por danos morais, conforme Código de Defesa do Consumidor, artigo 6. Mas para isso, o ex-devedor deverá administrativamente requerer que seu nome seja retirado dos registros da SERASA e SPC por escrito.

2) – Experar o prazo de 5 anos: Pelo Código de Defesa do Consumidor artigo 43, parágrafo 5, seu nome não poderá ficar mais do que 5 anos nos registros de proteção ao crédito como o SPC, SERASA e outros.

3) – Aguardar a prescrição do título que originou a dívida: Tipos de título como cheque, nota promissória, duplicatas ou letras de câmbio tem a prescrição de 3 anos, ou seja, alguém estiver com o nome sujo por causa de um cheque sem fundo por exemplo, seu nome deve estar limpo e removido dos registros da SERASA ou SPC após 3 anos. Mas para acontecer a remoção, o devedor terá que entrar com uma ação judicial.

4) – Entrar com Ação judicial: Existem casos em que a dívida é passível de ser questionada. A pessoa prejudicada poderá propor uma ação judicial e requerer uma liminar solicitando a remoção do seu nome dos cadastros da SERASA e SPC. A remoção do seu nome poderá acontecer, porém, a partir da liminar segue-se o percurso normal para esta ação judicial ser julgada, o que poderá levar anos até ser concluída.

[ad#468]

170 Comentários

  1. hudy
  2. amanda
  3. Rodrigo dos santos silva
  4. Diego silva dos Santos
  5. Diego silva dos Santos
  6. Diego silva dos Santos
  7. Leandro Gomes Amaral
  8. marli
  9. zeneide maria silva cabral
  10. Tânia Pereira Gomes
  11. cleverson
    Your comment is awaiting moderation.

Comente Aqui!