Pausar Crédito Pessoal e Capital de Giro no Caixa Melhor Crédito

Na Caixa Econômica Federal, clientes podem pausar a parcela do empréstimo pessoal, crédito pessoal, CDC, e empresas que com contratos de capital de giro, se tiverem dificuldade no pagamento da parcela, terão uma mês para se reorganizar e ganhar fôlego financeiro para voltar a pagar as prestações mensais.

Essa foi mais uma ótima sacada da Caixa com o “Programa Crédito em Pausa“, vale dizer que em vários lugares no mundo como nos Estados Unidos, Austrália, Reino Unido e alguns países da Zona do Euro, mutuários de empréstimos pessoais e financiamentos das mais variadas modalidade, podem solicitar ao credor uma pausa temporário nos pagamentos das parcelas por um determinado tempo, até que a situação melhore.

Pausa parcela do credito pessoal caixa

Com esse ritimo que a Caixa e o Banco do Brasil estão impondo, logo os consumidores brasileiros terão taxas de juros no crédito e serviços financeiros de primeira. Com a nova investida da Caixa Econômica Federal, os clientes e novos clientes que têm ou fizerem operações de crédito pessoal e financiamento na instituição, e por ventura tenham alguma dificuldade em pagar uma parcela, poderão pedir ao banco para pular uma parcela da prestação do empréstimo – mas como é isso? Simples, no mês que for feito a solicitação, não haverá a cobrança da mensalidade.

Essa operação financeira está sendo chamada pela Caixa de ‘Crédito com Pausa’, mas poderíamos chamar de  “Pausa na prestação de Crédito). A campanha começou a ser vinculada nos intervalos das propagandas desde Domingo (16). O cliente que quiser conhecer o novo serviço, já pode.

Segundo a Caixa, o “Programa Crédito em Pausa” foi desenvolvido para favorecer os mais de sete milhões de clientes da instituição, deste total, cerca de 5,4 milhões são compostos de empresas e famílias que possuem empréstimos comerciais, o restante, 1,6 milhão são mutuários com contratos de crédito à habitação.

Com essa vantagem, os mutuários da Caixa poderão pausar ou pular a prestação de um mês, não são todas as operações de crédito que podem participar, somente as determinadas, os contratos de Crédito pessoal, CDC, Capital de giro, Financiamento de veículos e Crédito habitacional estão inclusas no “Crédito em Pausa”.

Como fica a parcela da prestação pausada ou pulada?

Com certeza não vai ser esquecida, após a pausa da prestação, no mês seguinte as outras parcelas deverão continuar sendo pagas, a Caixa informa que não haverá incidência de multas ou encargos sobre a prestação em pausa (não paga).

Vale esclarecer que a parcela da prestação pausada irá voltar ao saldo devedor e a Caixa aplica um mês a mais no prazo de liquidação da operação.

Quem desejar obter o benefício com a Caixa, precisa estar em dia com os pagamentos da operação em andamento, mas não é só isso, é necessário ter pago pelo menos três prestações consecutivas (operações comerciais), e, no mínimo, 11 parcelas consecutivas nas operações de crédito imobiliário.

E quem é cliente novo na Caixa?

Clientes que acabaram de abrir sua conta, para ter o direito de solicitar a pausa em alguma operação de crédito, só vai pode usar o serviço após completarem quatro meses de relacionamento com o banco. Mais informações nas agências da Caixa ou nos Telesatendimento disponíveis para todo o Brasil

Um Comentário

  1. simone bione costa

Comente Aqui!