Empréstimo é Dinheiro Extra para Sair das Dívidas?

Pegar empréstimo pessoal como dinheiro extra para sair das dívidas é válido?

Todos os dias nos deparamos com oferta de crédito fácil, promoções de compras no cartão de crédito, feirão de crédito, empréstimo para viagens de turismo, facilidades em parcelamentos de eletrodomésticos e eletroeletrônicos em lojas de departamentos, enfim, armadilhas preparadas para consumidores que não conseguem resistir às compras.

Emprestimo Dinheiro ExtraCom todas essas oportunidades estourar o limite do cartão de crédito, usar indiscriminadamente o cheque especial, parcelar diversas compras sem juros e comprometer o renda individual ou familiar está se tornando cada vez mais freqüente.

Para quem não sabe lidar com questões financeiras, o crédito fácil que ultimamente é oferecido por toda parte vira uma armadilha para o bolso e conseqüentemente poderá causar endividamento sem precedentes para consumistas de plantão.

Atualmente no Brasil, existe mais de 25,7 milhões de pessoas endividadas ou inadimplentes, as dívidas de todos somadas chegam a aproximadamente R$ 526 bilhões, segundo o Banco Central.

A maior incidência na inadimplência está nas operações de empréstimo pessoal (com cheque, boleto ou carne) com R$ 166,4 bilhões de reais, em segundo os financiamentos de veículos novos e usados com mais ou menos R$ 91,1 bilhões, em terceiro o crédito imobiliário ou financiamento imobiliário para compra da casa própria, com R$ 81,7 bilhões de reais.

Um dos erros mais cometidos pelas pessoas que sentem o desejo de consumir, esta justamente em se deixar levar por ofertas e propagandas de crédito parcelado com prazos longos e “sem juros”.

Adquirir bens ou fazer compras a prazo sem ter certeza se vai conseguir pagar é outro erro comum cometido por pessoas que vivem endividadas. Com o acúmulo de parceladas de várias compras e financiamentos, isso acaba virando uma bola de neve interminável e uma hora ou outra o consumidor descobrirá que não terá condições de cumprir todas as suas obrigações financeiras.

Quem está endividado consegue se livrar da dívida?

Se você acaba de descobrir que está com a corda no pescoço com o endividamento, porque gastou mais do que poderia e está inadimplente com suas contas, o melhor a fazer de imediato é saldar dívida que possuem taxas de juros mais altas como o cartão de crédito, cheque especial, de preferência trocando por juros menores.

Alguns especialistas aconselham a venda de um bem (carro ou imóvel) para saldar dívidas, outros indicam a solicitação de empréstimo pessoal com juros baixos para cobrir dívidas que têm taxas mais altas.

E você, o que acha? Pegar empréstimo pessoal como dinheiro extra para sair das dívidas é válido? Deixe seu comentário.

[ad#468]