Pedido de Empréstimos

Pedido de empréstimosQuero fazer um pedido de empréstimo, e agora?” No mercado de créditos são oferecido dezenas de tipos de empréstimos, esses empréstimos servem basicamente para resolver questões de ordens financeiras e saneamento das finanças com problemas de saldo.

Normalmente o pedido de empréstimos é concebido sem que haja a necessidade do cliente ter que apresentar algum tipo de justificativa para que a solicitação de empréstimo seja aprovado, poderá ser utilizado para resolver qualquer tipo de despesas ou aquisição de bens.

Os empréstimos solicitados quase sempre têm seus recursos utilizados para o pagamento de despesas particulares ou familiares na maioria dos casos, servem também para patrocinar a viagem de férias, as obras de reforma da casa, compra de produtos informáticos, compras de móveis para casa ou até mesmo para financiar estudos etc.

Mas para conseguir a concessão do pedido de empréstimo algumas regras básicas são normais na maioria das instituições, o primeiro fator para que o interessado obtenha um emprestimo, é ter pelo menos 18 anos de idade, estar trabalhando a mais de 6 meses, ter residência fixa há mas de 12 meses e estar com o nome limpo, ou seja, não ter nenhuma “restrição no SPC ou Serasa” por causa de dívidas financeiras ou de consumo.

Ainda não chegou com força está regra no Brasil, mas em alguns países da Europa e nos Estados Unidos o empréstimo pessoal é atrelado a um seguro de vida (esse seguro garante a cobertura das despesas com as prestações em caso de morte ou invalidez) e um seguro de proteção ao crédito (esse seguro garante o pagamento das prestações em caso de incapacidade temporária de pagamento).

No Brasil já temos o empréstimo com Seguro Prestamista que alguns Bancos já estão embutindo no saldo devedor do empréstimo.

Normalmente o valor da liberação desses empréstimos variam entre os R$ 300 e os R$ 45.000 no empréstimo pessoal, e de R$ 300 a R$ 65.000 nos empréstimos consignados, os prazos de pagamento podem ir de 6 a 72 meses. Vale lembrar que existem algumas características específicas para cada tipo de empréstimos, e pode haver diferenças de valores e prazos dependendo da instituição credora.

Ao contratar um empréstimo o primeiro fator que é preciso levar em consideração é o prazo máximo da operação, os empréstimos com prazos mais longo consequentemente possuem taxa de juros maiores, a regra é, quanto maior o prazo, maior a taxa de juro.

Não é costume do brasileiro mas a atenção também deve estar voltada para a CET (Custo Efetivo Total).

A taxa de juros de empréstimos é um dos fatores mais importantes, por ser um fator de crédito variável, isto é, muda dependendo da modalidade de empréstimo, decidir qual o tipo de pedido de empréstimo que você vai fazer acabará influenciando no valor total pago pelo empréstimo.

Procure fazer o pedido de empréstimos que você realmente precisa, acesse as instituições bancárias que apresentam as melhores soluções e condições de crédito e escolha empréstimos com a melhor característica para seu perfil de consumidor, e tudo dará muito certo.

33 Comentários

  1. denise rodrigues
  2. Ana Leandro de lima
  3. rosinei aparecida
  4. Sirlene Goulart
  5. andrea gonçalves
  6. gustavo
  7. edenilson souto
  8. leandro magdaleno
  9. Raquel Pólvora
  10. Jefferson
  11. Lucélia Costa
  12. francimara de moura
  13. claudete amorim
  14. vivian soares
  15. adriana gomes da silva
  16. ademilson carlos
  17. amaro ose
  18. Alexandre
  19. ester donato soares
  20. Claudia Emilia
  21. cristiane
  22. cristiane
  23. Michele Klein
  24. Maria Silva Lima
  25. marlene
  26. rogerio ap bussini
  27. endrio
  28. Ana
  29. viviane teixeira
  30. ronan
  31. cirilo
  32. Adriana valentim
  33. Maristela

Comente Aqui!