Opções de Empréstimo para Empresários

No mercado existem diversas caminhos e opções de empréstimos para empresários e donos de pequenas e médias empresas que necessitam capitar dinheiro para tocar seus projetos e negócios.

Opções de empréstimo para empresasSegundo pesquisa realizada pelo SEBRAE: cerca de 68% dos pequenos e microempresários conseguem crédito facilitado negociando direto com seus fornecedores, ou seja, o procedimento é o mesmo adotado por um consumidor ao comprar um produto, faz o parcelamento em várias vezes.

Outros mecanismos de crédito como o Cheque Especial e o Cartão de Crédito são usados por 51% dos empresários, em geral empresas de pequeno porte obtém recursos financeiros em mais de um tipo de empréstimo ou financiamento.

O cheque pré-datado ao contrário do que se pensa, é a terceira opção de crédito, na pesquisa constatou-se que somente 47% faz uso do talão. O mais interessante é que essas modalidades de crédito são os meios de financiamento mais caros oferecidos no mercado.

Isso se dá pela burocracia encontrada pelos empresários, pelas exigências quanto a garantias e em muitos casos a falta de informação sobre modalidades de empréstimos específicos para empresas acabam por contribuir para que os empreendedores busquem recursos mais fáceis porém com juros mais elevados.

Nessa linha de empréstimos para empresas o Banco Santander oferece uma linha de capital de giro com juros acessíveis e até 36 meses de prazo para reembolso e ainda uma bonificação especial de até três parcelas para clientes que pagam as parcelas pontualmente. Porém o crédito com aval, crédito sem garantia, possuem taxa de juros mais altos por causa do risco envolvido na operação.

Uma maneira de se livrar dos juros extorsivos dos cartões de crédito ou do cheque especial, o empreendedor têm a disposição na maioria dos bancos o microcrédito para pequenos empreendimento, conseguir empréstimos de até R$ 10 mil, não é difícil. Outra forma facilitada para obter microcrédito é se associar a uma cooperativa de crédito, existem dezenas no mercado, basta escolher uma e pronto, em geral os empréstimos em cooperativas são concedidos com pouca burocracia e juros bem inferiores aos praticados pelos bancos convencionais.

O foco principal do microcrédito é principalmente o público que não trabalha com bancos ou que por causa de exigências burocráticas não conseguem atendê-las.

Os juros praticados no microcrédito estão em torno de 3,9% ao mês, não é uma das melhores taxas de juros do mercado, mas para empresas e microempresas que precisam acessar recursos financeiros sem muita burocracia, a princípio está de bom tamanho.

Outra opção de empréstimo para empresários bastante divulgado atualmente é o “Cartão do BNDES“. O sistema funciona com um cartão de crédito que o empresário utiliza para poder comprar diretamente de fornecedores credenciados pelo banco. O Cartão BNDES é direcionado para micro, pequenos e médios empresários, com ele é possível financiar compras em até 48 parcelas com taxa de juros de 0,97% ao mês, diferente dos juros convencionais que estão acima dos 2% ao mês.

Para adquirir o Cartão BNDES o empresário pode solicita-lo nos bancos Bradesco, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Banrisul, mas em breve outras instituições financeiras também oferecerão o Cartão BNDES. Atualmente são quase 315 mil cartões emitidos, desse total 88% foram para microempresas. Em 2009 o Cartão BNDES movimentou cerca de R$ 2,5 bilhões e para 2010 a expectativa é de chegar aos R$ 4,2 bilhões.

Neste artigo não informamos todas as opções de empréstimos para empresas, mas continue acessando nosso site constantemente que estaremos publicando diversas matérias sobre empréstimos para empresas.

[ad#468]

Um Comentário

  1. washington

Comente Aqui!