Política de Crédito nas Linhas de Empréstimo Pessoal

Para que serve a Política de Crédito?

analise de creditoCom a política de crédito alguns objetivos traçados que devem ser obedecidos através de regras e diretrizes para que haja uma definição do padrão de crédito da instituição.

Na política de crédito, recursos de natureza operacional e volumes expressivos de investimentos são necessários, por isso, em instituições financeiras de médio e grande porte a definição da política de crédito é reservada aos altos escalões hierárquicos dessas empresas.

Através da política de crédito a instituição deverá definir ser manter uma maior flexibilidade implicando na ampliação da capacidade de competir no mercado que atua e com isso aumentar os riscos ou impor um rigor maior nas operações reduzindo sua capacidade de competir e com isso diminuir os riscos nas concessões de empréstimos.

A Análise de Crédito nos Bancos, Financeiras e Instituições financeiras têm como objetivo principal identificar possíveis riscos de inadimplência nas operações de concessão de empréstimos, crédito pessoal ou financiamentos, também serve para concluir a verdadeira capacidade de reembolso do tomador.

Através dos Score da análise de crédito também é possível fazer recomendações relativas à melhor estruturação e definir o perfil do cliente e qual o melhor tipo de empréstimo pessoal a conceder de acordo com as necessidades financeiras do solicitante, ou seja, a análise de crédito é feita para maximinizar os resultados da instituição de crédito que concede o empréstimo e evidenciar possíveis riscos.

Ao solicitar um empréstimo, a análise de crédito é o primeiro passo para a tomada de decisão da intuição de crédito relativo à concessão ou não ao solicitante.

Nos processos de análise de crédito em empréstimos pessoais, existem basicamente três etapas obrigatórias que são utilizadas:
1 – análise retrospectiva;
2 – análise de tendências;
3 – capacidade creditícia.

Outros fatores internos e externos também são considerados e que trabalham em harmonia em todo processo de avaliação, a união desses fatores contribuem ou não para uma boa análise de crédito em empréstimos.

[ad#468]