Linhas de Crédito para Antecipar a Restituição do IR

Com a chegada da declaração do imposto de Renda 2012, a maioria das instituições financeiras de grande porte já começaram a oferecer as linhas de crédito para antecipar a restituição do IR. Como em todo ano, o início de março é o período para a contratação deste tipo de empréstimo, que chamamos aqui de “empréstimo da restituição”.

O empréstimo da antecipação da restituição do IR se destaca por oferecer taxas de juros semelhantes aos das linhas de crédito convencionais mais baratos, como é o caso do “empréstimo consignado em folha de pagamento” e também algumas modalidades de crédito direto ao consumidor (CDC).

Antecipar a Restituição do IRCom juros a partir de 2,30% ao mês, o Banco do Brasil saiu na frente até agora com essa linha de crédito mais barata. As instituição já divulgaram suas taxas, em geral, as taxas de juros este ano estão oscilando entre 2,30% a 3,00% ao mês, dependendo do banco aonde você tem conta, essa taxa pode ser mais elevada, outro fator determinante para o valor dessa taxa é, o tipo de relacionamento que o cliente mantém com a instituição bancária.

Numa comparação rápida com outras linhas de crédito disponíveis no mercado, essas taxas de juros são consideradas baixas, vale lembra que os juros médios do empréstimo pessoal feito em bancos, gira em torno de 3,99% ao mês, no cheque especial, 8,34% ao mês e 10,69% ao mês para operações com o cartão de crédito.

Normalmente os empréstimos feitos através das linhas de crédito para antecipação da restituição do IR, o cliente consegue antecipar até 100% do imposto de renda. Os juros aplicados pelos bancos são razoavelmente baixos porque tem como garantia do recebimento, a própria restituição da Receita Federal reembolsada diretamente na conta designada pelo cliente a instituição.

Para contratar o empréstimo antecipado da restituição, o cliente necessariamente precisa ser correntista do banco, a excessão fica por conta do Bradesco e o BB, nesses casos, mesmo que o correntista não receba sua restituição pelo banco, ele pode obter um empréstimo pessoal parcial.

Apesar da concessão e “contratação da linha de crédito para antecipação da restituição” parecer ser uma ótima oportunidade de conseguir dinheiro a custo baixo, o interessante e mais recomendado é que a solicitação seja feita somente se o cliente estiver convicto de que a declaração de IR foi entrgue corretamente, ou seja, não contém erros ou dúvidas e, todas deduções e rendas declaradas.

Outro fato importante que devemos levar em conta é, a malha fina, se a pessoa cair nela poderá ter que pagar multa e, concerteza não vai receber a restituição do IR com tempo hábil para efetuar a quitação da dívida do empréstimo, o juros baixos da antecipação irão por água a baixo, caindo na malha fina os juros utilizados para reembolsar o empréstimo podem ser iguais ou mais caros que linhas de crédito convencionais.

12 Comentários

  1. João Lopes
  2. SONIA
  3. marcos cleber
  4. gildo feitosa da silva
  5. Paulo Rocha
  6. marcelo barbosa
  7. Paulo de Almeida Santos
  8. claudinei
  9. claudinei
  10. Marluce de O. Fernandes
  11. Carlos
  12. maria

Comente Aqui!