Seguro para Financiamento Imobiliário

Seguro para Financiamento ImobiliárioExistem algumas normas e leis que determinam que no financiamento imobiliário é necessário a contratação de seguro obrigatório e mais um outro que cubra possíveis danos ao imóvel e a invalidez permanente ou morte do mutuário.

Mas para quem quer ter a garantia da garantia e cobrir qualquer eventualidade, ainda é possivel contratar uma outra modalidade adicional de seguro para financiamento imobiliário que cobre algumas ocorrências que possam causar inadimplência, ou seja, enquanto durar a amortização do financiamento imobiliário o contratante esta coberto por um determinado período.

O banco Santander oferece um produto chamado “Parcela Protegida”, esse seguro faz a cobertura de até R$ 3 mil do valor da parcela paga mensalmente para amortizar o financiamento imobiliário se houver o desemprego involuntário e/ou a incapacidade física temporária.

A contratação do seguro “Parcela Protegida” é feito quando uma das modalidades de financiamento imobiliário oferecidas pelo Santander é adquirida. No momento da contratação do seguro, o optante pode escolher pela cobertura de três, seis ou oito parcelas mensais do seu crédito imobiliário, e poderá utilzá-lo em qualquer período que for necessário no decorrer do prazo do financiamento.

COMO FUNCIONA O SEGURO PARA FINANCIAMENTO IMOBILIÁRIO?

O custo do “seguro opcional Parcela Protegida” é embutida na parcela mensal do financiamento e não se aplica qualquer tipo de reajuste no valor durante a vigência do financiamento, no caso de “financiamento imobiliario com parcelas reajustáveis” (decrescentes), o valor do seguro acompanha a diminuição das prestações.

É óbvio que existem algumas regras, a carência é de 90 dias, contada desde a data de início de vigência do seguro, o prazo mínimo entre um sinistro e outro é de 12 meses. Para eventos decorrentes de acidentes não aplicasse a carência.

O seguro para financiamento imobiliário é opcional, a contratação pode ser feita por mutuários assalariados ou profissionais liberais com no mínimo 12 meses de trabalho ininterruptos, com exceção ao funcionário público.

Para autônomos e profissionais liberais a cobertura de incapacidade física temporária, o benefício é válido desde que os mesmos façam recolhimento ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

[ad#468]

Comente Aqui!