Como evitar Fraude com Roubo ou Extravios de cheques

A pessoa que for correntista de banco e tiver seus cheques roubados, furtados, perdidos ou extraviados, a primeira coisa a fazer é comunicar a ocorrência à agência do banco ou entrar em contato por telefone com o banco o mais rápido possível e solicitar cancelamento imediato, informe se os cheques estavam com as follhas em branco quando aconteceu o fato, ou na sustação, se já haviam sido preenchidos e utilizados.

O cancelamento de cheques roubados, furtados ou extraviados, se dará quando o cliente apresentar ao banco o boletim de ocorrência (BO) fornecido pela polícia no momento da queixa. Não importa quando ocorreu o roubo, furto ou extravio, mesmo fora do horário de expediente bancário, o cliente correntista pode a qualquer momento fazer o registro da ocorrência e o também o pedido para cancelar ou sustar, de imediato, por telefone, junto à Central de Atendimento do seu banco.

Para não haver problemas, confirme no prazo de dois dias úteis, o cancelamento ou a sustação entregando o boletim policial com o registro da ocorrência, informando que foi roubado, furtado ou extraviado, para evitar o cancelamento do pedido que havia sido feito provisoriamente.

Importante saber que quando se tratar de cheques cancelados por roubo ou furto acompanhados de boletim de ocorrência, os bancos não podem cobrar taxa de devolução dos clientes. Outra forma do consumidor registrar o furto, roubo ou extravio do cheque, é se encaminhar diretamente em um balcão da CDL (Câmara Dirigente Lojista) mais próxima da sua cidade.

As despesas de registro e de controle do cancelamento ou sustação dos cheques roubados, furtados ou extraviados são de responsabilidade do correntista, que terá como garantia do banco o não acolhimento desses cheques. A tarifa para cobertura dessa despesa deverá ser cobrada uma única vez.

[ad#468]

Comente Aqui!